Estou lendo:O MUNDO EXPLICADO POR T.S. SPIVET - Reif Larsen


10 / 223 words. 4% done!

sábado, 26 de novembro de 2011

Laranja Mecânica - Anthony Burgess

Minha opinião: Nem sei direito o que dizer sobre esse livro... Acabei de ler e estou ainda paralisada e de certa forma encantada, é como se vários sentimentos como raiva, revolta, vingança, piedade, dó, medo e angustia ficassem revirando enquanto eu lia cada página.
Eu decidi ler esse livro, por que tinha ouvido falar muito sobre o filme, mas eu tinha decidido ler primeiro para depois só ver o filme. Mas, me deixa contar sobre o que é esse livro... Bem, tudo começa com Alex um garoto de quatorze anos que é completamente agressivo, ou seja, ele gosta de violência extrema – e coloca extrema nisso – por que gente, quando eu li as primeiras páginas eu sentia uma raiva tão grande do Alex, uma vontade de pegar ele pelas orelhas e dar uma bronca tão grande, mas continuando, nessas primeiras páginas conhecemos o dia a dia do Alex, e principalmente uma noite típica para ele e sua turma, em que se encontra espancamento, estupro e muita, mais muita violência. Porém as coisas mudam quando Alex é preso e submetido a uma experiência, um novo método para curar delinqüentes do tipo de Alex, um método tão perverso quanto o próprio protagonista, que acaba tirando o desejo e a vontade dele o tornando “uma coisa” e não uma pessoa.
Eu sinceramente no começo tive certa dificuldade para entender a escrita, porque o autor teve a audácia – que bom né? – de escrever o texto com uma linguagem de gíria, com palavras diferentes, que no contexto podia em determinado momento ser entendido – tanto que no final do livro e encontra um mini dicionário de tantas gírias que foram escritas – no final eu até conseguia compreender perfeitamente a fala do Alex. Ah, além disso, o livro é escrito em primeira pessoa, o que deixou tudo muito mais marcante, além de eu sentir um certo ar de provocação e sarcasmo em muitos trechos... muito interessante.
O livro ainda traz questões importantes a ser pensado, como o sujeito na sociedade, como se encontra a sociedade e principalmente, que pessoas que estamos criando no sistema vigente? Eu fiquei me questionando... E ainda mais, por que quanto mais eu lia, mas eu via uma critica a sociedade de forma marcante, e gente, fiquei impressionada com o final, juro que não esperava por isso...
Ah, e quando lia também fiquei lembrando os filmes do Krzysztof Kieslowski, por que ele sempre traz essas questões em relação a sociedade, a reflexão sobre as pessoas, os sentimentos e como lidar com isso diante de um mundo que Às vezes pode ou não aceitar bem isso, quem tiver a oportunidade de assistir algum filme dele, acho que podem gostar.
Um livro muito bom e realmente uma leitura que não pode faltar, viu? Um dos melhores livros que eu li e fiquei me coçando para não fazer mil interpretações psicológicas...

Resumo: Narrada pelo protagonista, o adolescente Alex, esta história cria uma sociedade futurista em que a violência atinge proporções gigantescas e provoca uma resposta igualmente agressiva de um governo totalitário. A estranha linguagem utilizada por Alex - soberbamente engendrada pelo autor - empresta uma dimensão quase lírica ao texto.

Tem filme desse livro!

Sinopse: No futuro, Alex (Malcolm McDowell), líder de uma gangue de delinquentes que matam, roubam e estupram, cai nas mãos da polícia. Preso, ele usado em experimento destinado a refrear os impulsos destrutivos, mas acaba se tornando impotente para lidar com a violência que o cerca.

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

X Concurso ”Fritz Teixeira de Salles de Poesia"



Informações:
a) Concurso de poesia
b) Inscrição pelo correio ou pela internet
c) O autor deverá comparecer à premiação (ou ir à cidade receber, em até 30 dias após)
d) Os poemas classificados serão publicados em livro

Prazo:
31 de janeiro de 2012

Premiação:
I) R$ 1 mil para os três melhores trabalhos
II) R$ 200 para os cinco melhores trabalhos de autores monte-sionenses

Fonte:
http://fundacaopascoalandreta.com.br/index.php?option=com_content&view=article&id=28&Itemid=5

Regulamento:

1 – Cada autor poderá concorrer com até 03 (três) poemas, inéditos, e em língua portuguesa.

2 – Os originais, digitados em espaço dois, deverão conter nome, endereço completo (inclusive e-mail e telefone) sucinta biografia do autor e, logo a seguir, sua poesia.

3 – Os poemas deverão ser enviados ao e-mail lemariano.mae@gmail.com ou, se pelo correio, para o X CONCURSO NACIONAL “FRITZ TEIXEIRA SALLES DE POESIA” – Rua Juscelino Kubitsheck de Oliveira, 738 – Monte Sião, MG – CEP – 37580-000.

4 – As inscrições estarão abertas até o dia 31 de janeiro de 2012. Os resultados serão divulgados no final de fevereiro de 2012 e publicados no site da Fundação Cultural Pascoal Andreta – www.fundacaopascoalandreta.com.br

5 - A entrega dos prêmios será efetuada no dia 31 de março, sábado, às 20 horas, no Centro Cultural “Itália Zucato Pacchioni”.

6 – Uma comissão julgadora selecionará os melhores trabalhos. Haverá, para os classificados que não sejam de Monte Sião, hospedagem com café da manhã.

7 – Haverá premiação para os três melhores trabalhos, no valor de R$ 1.000,00 (hum mil reais) cada.

8 – Haverá 5 (cinco) prêmios para concorrentes monte-sionenses no valor de R$ 200,00 (duzentos reais) cada.

9 – No caso do não comparecimento de qualquer dos vencedores na noite da premiação, o prêmio respectivo deverá ser procurado dentro de 30 dias, a partir da data da entrega, 31 de março. Além desta data o valor será devolvido ao patrocinador e o ganhador perderá o direito ao prêmio.

10 – Todos os 08 classificados receberão um livro contendo os poemas premiados, editado por “Acervo Edições”.

11 – Os vencedores poderão declamar seu poema ou, se desejarem, indicar outra pessoa para fazê-lo.

12 – As festividades da noite serão dedicadas à memória do jornalista Lourenço Diaféria, falecido em setembro de 2008.

13 - Os originais não serão devolvidos. A remessa ao concurso significa inteira e completa concordância, por parte dos concorrentes, com este Regulamento. As decisões são irrecorríveis. Os casos omissos serão resolvidos pela comissão.

domingo, 20 de novembro de 2011

Anna e o Beijo Francês - Stephanie Perkins


Minha opinião: Que fofo!! Vocês sabem que eu me derreto como manteiga na frigideira quente quando leio um bom romance né? Pois eu estou assim agora, derretida por esse livro muito fofo e super romântico!
Vou confessar que eu não estava dando muita confiança para esse livro, pensei que era essas estórias de romance piegas e sem graça e talvez que tivesse a ver com um auto conhecimento e sei lá, mas o escolhi por que dentre os livros da minha estante achei que ele era o mais romântico – o fato é que estou um pouco adocicada esses dias por isso precisava de algo nesse gênero – mas não botava muita fé, e ainda bem que me enganei completamente, o livro é muito bom e para as românticas de plantão, anotem aí o nome desse livro e já o coloquem na lista de “próximas leituras urgentes” por que tenho certeza de que irão gostar.
Então, vamos para a estória né? O livro conta sobre Anna, uma garota de 17 anos que vai estudar em um colégio na França – que maravilha hein? – Só que ela não acha isso nada bom, primeiro por que irá ficar longe da família, segundo por que ficara longe dos amigos, terceiro por que não sabe nada de francês e quarto ela deixará para trás uma paquera dela.
Mas mesmo assim ela viaja para esse país que dizem ser o lugar mais romântico do mundo, e lá ela conhece novos amigos, Meredith, Rashimi, Josh e por fim um cara super carismático e encantador chamado St. Clair, e, além disso, ele é cobiçado por todas as garotas e também tem namorada. Bem, vocês podem imaginar o que pode acontecer nessa estória? Bem, esperem por alguns momentos clichês, e trechos previsíveis, mas as vezes isso é que dá o toque mais fofo nesse livro, eu simplesmente adorei esse livro e estou suspirando até agora. Imaginem eu comecei a ler e hoje fiquei grudada nele e não conseguia parar de ler, e quando ia fazer algo ficava ansiosa para voltar a ler... Ah, tão fofo – já disse isso né?
O fato é que os personagens são bem descritos, a França é apresentada em várias paginas de uma forma tão apaixonante que eu sinceramente fiquei encantada por ela e queria fazer minhas malas e ir correndo para lá. E Anna é super gracinha, ela gosta de filmes e sonha em ser critica de filmes, além de mostrar ser uma adolescente divertida e cheia de inseguranças, mas com um jeito muito próprio.

PS: EU QUERO IR PARA PARIS!

Resumo: Anna Oliphant tem grandes planos para seu último ano em Atlanta: sair com sua melhor amiga, Bridgette, e flertar com seus colegas no Midtown Royal 14 multiplex. Então ela não fica muito feliz quando o pai a envia para um internato em Paris. No entanto, as coisas começam a melhorar quando ela conhece Étienne St. Clair, um lindo garoto -que tem namorada.Ele e Anna a se tornam amigos mais próximos e as coisas ficam infinitamente mais complicadas. Anna vai conseguir um beijo francês? Ou algumas coisas não estão destinadas a acontecer? 

sábado, 19 de novembro de 2011

A Inclinação Certa da Luz - Laura Whilcomb


Minha opinião: Acabei escolhendo esse livro por causa da capa e por isso pensei que se tratava de uma estória de suspense com talvez um toque de drama, mas não foi bem isso com que me deparei ao ler, na verdade, a estória não tem muito haver com o que eu imaginei...
Bem, o livro é sobre Helen e Helen é “tipo” um fantasma, ou algo parecido, o certo é que ela morreu e agora vive como uma luz que não pode ser vista nem ouvida por ninguém, mas vive nesse mundo agarrada a um hospedeiro, ou seja, alguém com quem ela fica presa por anos até que essa pessoa morra e ela possa trocar de hospedeiro. E ela vive assim por muitos anos, sem saber por que está aqui e porque não consegue ir para onde devem ir as “almas” após a morte. Helen atualmente tem como hospedeiro um professor e durante uma aula desse professor ela percebe que existe um aluno que parece conseguir enxergá-la o que a deixa muito confusa, e depois ela descobre que pode conversar com ele e o mais incrível, ela descobre também que ele na verdade é que nem ela e se chama “James”, porém, ele entrou em um corpo sem alma e passou a viver nesse corpo, no corpo de Billy Blake Isso parece incrível para Helen que acha isso muito confuso e estranho, mas ao mesmo tempo ela se sente completamente atraída por James nesse corpo de um garoto de 17 anos. E é assim que ambos se aproximam e se apaixonam, mas eles querem mais e então passam a buscar um corpo para ela também possuir...
Que coisa hein? Como eu disse no começo da resenha, de suspense não tem nada, mas, no entanto, apesar de não ter nada muito marcante ou mesmo um ponto alto do livro, eu o considerei bom. Acho que isso se deve a muitas novidades e situações que eu não imaginaria que aconteceria e de repente essas coisas acontecem, acho que a autora sobre escrever uma estória nova com detalhes e formas diferentes das que lemos por aí, e isso foi muito bom, além disso ela teve uma sensibilidade muito grande com os personagens deixando uma marca registrada de cada um, e a maneira como cada um é e por que, ficou muito nítido e assim podemos compreender cada atitude dos personagens e prever como ele reagiria ou agiria em determinada situação, isso é muito bom também, por que ela consegue dar uma personalidade para cada um, e mostrá-lo de uma maneira sutil durante a estória.
Portanto, eu digo que o livro é bom e me deixou calma lê-lo, não sei por que, mas me senti assim, e isso foi muito interessante para uma leitura.

ResumoNa classe do professor de Inglês que ela tem assombrado, Helen os sente: pela primeira vez em 130 anos, olhos humanos estão olhando para ela. Eles pertencem a um garoto, um garoto que não parecia notável até agora. E Helen está apavorada, mas intrigadamente atraída por ele. O fato de que ele está em um corpo e ela não apresenta a esse improvável casal o seu primeiro desafio. Mas como os amantes lutam para encontrar uma maneira de estarem juntos, eles começam a descobrir os segredos de suas vidas anteriores e dos jovens que venham a possuir.

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Ainda não te disse nada - Maurício Gomyde


Minha opinião: Sabe, eu fico muito feliz quando tenho oportunidade de ler um livro dos novos autores brasileiros e principalmente quando eu gosto do livro, e isso vale para esse romance delicado e divertido.
O autor nos apresenta Marina, uma garota que veio para São Paulo na tentativa de se tornar uma grande estilista, mas para isso ela estuda moda e para se sustentar ela trabalha numa agência do correio e é assim, no lugar onde ela menos esperava que a vida dela começa a mudar de verdade e ela descobre um amor que nem poderia imaginar ou mesmo compreender.
Confesso que eu sou apaixonada por cartas – essas mesmo que escrevemos a mão – eu sempre gostei de receber e escrever cartas, acho algo tão intimo e pessoal e envolve realmente duas pessoas, e até hoje eu utilizo esse método, ainda mando e recebo cartas, tem épocas que muito pouco e outras mais, talvez por isso esse livro tenha me conquistado, já que a história percorre esse mundo da escrita e das trocas de cartas – mesmo que de uma maneira muito singular na estória que em minha opinião o autor teve uma sacada muito boa.
Outro ponto positivo para o livro foi o modo como ele percorreu o tema da velhice, levantando o tema do asilo, da escuto dos idosos e de como às vezes é difícil escutar, ou melhor, é difícil parar para escutar, e isso me fez lembrar o livro da Ecleia Bosi – livro que eu resenhei aqui – e que utilizei em um trabalho quando estava na graduação que trata das memórias de velhos e de como ouvir e poder deixar o idoso falar da sua história o ajuda a se apropriar da própria história como também nos auxilia a ter uma visão diferenciada.
Acho que o que eu senti falta no livro foi o fato de que alguns personagens foram pouco trabalhados, por que eu achei que alguns tinham aspectos que poderiam ter sido melhor desenvolvidos na narrativa, no entanto, o fato de ter bons personagens também é um ponto positivo né? Ainda falando dos personagens, eu tenho certo pé atrás com “tudo acaba dando certo” na verdade eu acho que pode até dar certo, mas para todo mundo e de uma só vez? Sei lá, fico um pouco receosa com isso, por que me lembra novela por que tudo sempre dá certo. Porém, talvez seja o ponto de vista, no livro eu encontrei um pouco disso.
Bem, mas no todo eu gostei do livro e me via pensando na personagem principal e isso eu repito, é muito bom, por que quando uma leitura não vai bem eu nem me lembro dos personagens, somente quando estou na leitura, mas quando gostamos de um livro toda a estória caminha com a gente nos pensamentos e isso aconteceu com esse livro.

Resumo: "Ninguém mais escreve cartas hoje em dia", Marina pensava. Até que um dia uma caiu em suas mãos por engano e mudou o rumo de sua vida. Levou-a ao lugar que ela sempre sonhou. E a conhecer o amor do jeito que nunca imaginou, da forma mais improvável do mundo...

COMPRE O LIVRO DO AUTOR AQUI 

terça-feira, 15 de novembro de 2011

Prémio Literário Aldónio Gomes (Portugal)

Informações:
a) Concurso de Livros Inéditos (Romances, Novelas, Contos, Poesias, Teatro ou Ensaios)
b) Autores de Portugal, Brasil e outros países de língua oficial portuguesa
c) Publicação da obra selecionada

Prazo: 31 de Janeiro de 2012

Premiação:
I) 20% dos exemplares (tiragem de até 500 exemplares)


Fonte:
http://uaonline.ua.pt/detail.asp?c=22006


Regulamento:
Universidade de Aveiro
Departamento de Línguas e Culturas e Reitoria da Universidade de Aveiro Com o intuito de desenvolver o gosto pela leitura e pela escrita, a Universidade de Aveiro, através do seu Departamento de Línguas e Culturas, em parceria com a Reitoria, decidiu instituir em 2011, sob proposta da aluna Célia Alves Resende de Bastos, um Prémio Literário, que viria a receber o nome de Aldónio Gomes, com o intuito de honrar a memória deste insigne pedagogo e grande estudioso e divulgador da língua portuguesa e das Literaturas Africanas de Língua Portuguesa, cujo espólio foi doado a esta Universidade (ver nota biográfica em www.ua.pt/dlc).

REGULAMENTO

Artigo 1.º
Instituição, finalidade e âmbito
1. Este regulamento define as normas que regem o concurso PRÉMIO LITERÁRIO ALDÓNIO GOMES, instituído pela Universidade de Aveiro, através do seu Departamento de Línguas e Culturas, em parceria com a Reitoria, que tem como objetivos estimular a criação literária e a
revelação de novos autores.
2. O resultado do concurso é divulgado anualmente, no dia 21 de março, e destina‐se a galardoar um inédito de autor português ou de país de língua oficial portuguesa, nas categorias de romance, novela, conto, poesia, teatro ou ensaio.

Artigo 2.º
Natureza do Prémio
1. O prémio consiste na edição da obra e na doação de 20% de exemplares ao autor, não havendo lugar ao pagamento de direitos de autor, cuja tiragem, até 500 exemplares, é da responsabilidade das entidades proponentes.
2. A Universidade de Aveiro reserva‐se o direito de proceder à reedição da obra, segundo o regime previsto no número anterior, ou de autorizar a referida reedição em termos a acordar com o autor.
3. O lançamento da obra é feito em cerimónia pública, no dia 15 de dezembro, dia do aniversário da Universidade de Aveiro.

Artigo 3.º
Júri do concurso
1. O júri do concurso, presidido pelo Diretor do Departamento de Línguas e Culturas ou por um representante por ele designado, é ainda composto por cinco individualidades de reconhecida idoneidade e prestígio:
a) duas indicadas pelo Departamento de Línguas e Culturas;
b) duas indicadas pela Reitoria da Universidade de Aveiro;
c) uma indicada pela Câmara Municipal de Aveiro.
2. Não podem integrar o júri quaisquer intervenientes, diretos ou indiretos, nas obras a concurso.
3. As deliberações do júri são tomadas por maioria, tendo o Presidente voto de qualidade em caso de empate.
4. Da decisão final do júri não cabe recurso.
5. O júri deve apresentar um texto crítico da obra premiada para ser lido publicamente nas sessões de divulgação e de entrega do Prémio.


Artigo 4.º
Concurso
1. O concurso para atribuição do PRÉMIO LITERÁRIO ALDÓNIO GOMES é publicitado na imprensa e na página da Internet do Departamento de Línguas e Culturas (www.ua.pt/dlc).
2. São admitidas exclusivamente obras inéditas escritas em português, de autores portugueses ou de países de língua oficial portuguesa.
3. Da obra inédita a concurso, deve o autor entregar cinco exemplares, sujeitos às seguintes regras:
a) Texto impresso de um só lado, em formato A4, paginado e escrito a espaço 1,5, letra tipo Times New Roman, tamanho 12;
b) Páginas devidamente agrupadas e agrafadas ou presas por qualquer outro sistema;
c) Capa com o título da obra e o pseudónimo do seu autor.
4. Cada concorrente poderá apresentar mais do que um trabalho, desde que os envie separadamente e com pseudónimos diferentes.

Artigo 5.º
Candidatura e prazo de entrega
1. A data limite para apresentação dos originais é o dia 31 de janeiro do ano em que decorre o concurso.
2. As obras a concurso podem ser enviadas por correio, registado e com aviso de receção, ou entregues em mão na Secretaria do Departamento de Línguas e Culturas, em envelope fechado, com o seguinte endereço:

“Prémio Literário Aldónio Gomes"
Departamento de Línguas e Culturas da Universidade de Aveiro
Campus Universitário de Santiago
Universidade de Aveiro
3810‐193 AVEIRO

3. No envelope referido no número anterior deve estar um outro envelope lacrado, com o pseudónimo não conhecido escrito no exterior, e, no interior, a identificação do autor, o telefone, a morada e o endereço de correio eletrónico.

Artigo 6.º
Apuramento e classificação
1. O júri disporá de quarenta dias para proceder à apreciação e classificação das obras presentes a concurso.
2. Não há lugar a prémios ex aequo, reservando‐se o júri o direito de não atribuir o Prémio se considerar que nenhuma obra o justifica.
3. Tomada a decisão, o júri elabora uma ata final, publicitando o resultado do concurso no dia 21 de março de cada ano.
4. Os exemplares não premiados são entregues aos autores que os reclamem até 31 de maio do ano em que decorre o concurso.
5. Os exemplares que não tenham sido reclamados até ao dia 31 de maio são destruídos no dia 1 de junho do ano em que decorre o concurso.

Artigo 7.º
Informações
Quaisquer pedidos de informação devem ser dirigidos a:

Diretor do Departamento de Línguas e Culturas da Universidade de Aveiro
Campus Universitário de Santiago
Universidade de Aveiro
3810‐193 AVEIRO
Telef.: 00351 234370358
e‐mail: dlc.direccao@ua.pt

Artigo 8.º
Casos omissos
Os casos omissos e as dúvidas de interpretação são resolvidos pelo júri, de cuja decisão não cabe recurso.

Artigo 9.º
Entrada em vigor
O presente regulamento entra em vigor na data da sua publicitação.


Organização:
dlc.direccao@ua.pt
Telefone: 00351 23437035

Promoção Ainda Não te Disse Nada



Olá! Aqui estamos novamente, só que com uma ótima promoção hein! Agora com o Livro "Ainda não te disse nada" do autor Mauricio Gomyde - o mesmo autor de "O mundo de vidro"  - E pensa que é só isso? Não é mesmo! Você ainda pode concorrer a um IPAD 2! 


A promoção começa hoje e se encerra no dia 20/12/2011. Já o sorteio do IPAD 2 ocorrerá 15/01/2012.


Para participar dessa super promoção siga essas regrinhas:


1) Basta ser seguidor do blog - Publicamente (Pode ser pela conta do Yahoo, Orkut, Gmail, Twitter...);
2) Adicionar o @mauriciogomyde no twitter e também curtir a Página de Autor no Facebook (http://www.facebook.com/MauricioGomydeEscritor)
3) E por último preencher o formulário abaixo! E pronto, você já está concorrendo!


Mas para concorrer ao IPAD 2 siga as seguintes orientações:

E Por participar desta promoção, no dia 15/01/2012 você ainda pode concorrer  a um Ipad2 que o Maurício Gomyde sorteará em seu blog. Para isso, basta clicar agora aqui e informar seu nome, seu email e o nome deste blog!

Chance Extra!
Como sempre, você pode ter mais chances de ganhar. É super fácil... é só seguir qualquer uma das próximas regrinhas e assim pode preencher o formulário mais uma vez! Cada item, pode preencher mais uma vez assim você terá mais chances!

1) É só me seguir no Twitter @paulatic_livros
2) Seja meu amigo no facebook (facebook/paulatictic) e curta o blog - aqui do lado.
3) Divulgue a promoção em alguma rede social, como no Skoob, orkut, blog, facebook, twitter, email (se for por email, mande uma cópia para paulatictic@hotmail.com)... E pode preencher o formulário novamente!
4) Tem mais de dez comentários em posts diferentes do blog Dicas de livros? Então pode preencher mais vez, se não tem, então é só começar a comentar e pronto! 



LEIA A RESENHA DO LIVRO AQUI 

B OA SORTE!

domingo, 13 de novembro de 2011

Vol: 3 A esperança - Suzanne Collins

Minha opinião: Não agüentei esperar! Eu tive que terminar de ler essa série – sério mesmo, foi mais forte do que eu – e depois de ler o segundo livro eu praticamente devorei esse terceiro, de tão rápido que eu li – afinal eu o terminei em menos de um dia. Nesse ultimo livro da série muita coisa acontece, entre elas a revolução que toma conta da estória, e Katniss passa a ser – mesmo que contra a sua vontade – o símbolo da resistência. Gente, e imagem só meu desespero quando no final do segundo livro eu li que o Peeta tinha sido capturado pela Capital? Imaginem só isso! E a autora, mostrou de um jeito original o modo como a Katniss lidou com todo o sofrimento de não ter cumprido a sua promessa de cuidar dele. Além disso, nesse livro a ação corre solta, com a tentativa dos rebeldes de vencerem a Capital. Eu vou dizer que eu fiquei muito contente com o desfecho da estória, acho que o final foi bom e não deixou nada a desejar.
Poxa, e durante toda a leitura eu me pegava ficando tensa e surpresa em muitos momentos da estória, e se preparem para ficar realmente sem fôlegos em alguns momentos, principalmente sobre Peeta e sobre com quem a Katniss fica no final, como também sobre quem vence essa guerra, e como a Katniss acaba sendo a peça central para o fim de tudo.

AMEI ESSA SÉRIE, QUE É MARAVILHOSA!
E estou muito ansiosa para assistir o filme que só vai ser lançado ano que vem! Ah...

Resumo: Depois de sobreviver duas vezes à crueldade de uma arena projetada para destruí-la, Katniss acreditava que não precisaria mais de lutar. Mas as regras do jogo mudaram: com a chegada dos rebeldes do lendário Distrito 13, enfim é possível organizar uma resistência. Começou a revolução. A coragem de Katniss nos jogos fez nascer a esperança em um país disposto a fazer de tudo para se livrar da opressão. E agora, contra a própria vontade, ela precisa assumir seu lugar como símbolo da causa rebelde. Ela precisa virar o Tordo. O sucesso da revolução dependerá de Katniss aceitar ou não essa responsabilidade. Será que vale a pena colocar sua família em risco novamente? Será que as vidas de Peeta e Gale serão os tributos exigidos nessa nova guerra? Acompanhe Katniss até o fim do thriller, numa jornada ao lado mais obscuro da alma humana, em uma luta contra a opressão e a favor da esperança.
Olha o Peeta!

Livro coletivo - divulgação

Olá gente! Venho dar uma noticia para vocês, um dos meus parceiros o blog "Livros do Ademilson" pediu para divulgar um projeto no blog dele chamado Projeto Livro Coletivo.
 Que consiste em criar um livro de contos de diferentes autores, olha só como é, nas palavras do Ademilson:
"Os contos do livro podem ser de qualquer gênero como Romance e Suspense.  Existem algumas regras para participar:

Ser Seguidor do Blog
O Conto deve ter no mínimo 10 Páginas
Após o término do seu conto, mande para o meu email que está na sessão "Contato" e selecionarei os melhores para publicar
12 contos serão para o livro e 5 serão divulgados aqui no blog
Você Também pode participar, mandando idéias para a capa do livro
Ao final do projeto, editarei o livro com a capa mandada pelo desenhista e colocarei os contos em ordem alfabética de título
Os créditos para quem escreveu os respectivos contos e fez a capa serão devidamente colocados
E agora a parte mais instigante do projeto. Vou mandar o nosso projeto para várias editoras para tentarmos uma publicação
Colocarei o livro aqui no blog para Download
Eu também vou escrever um conto e vou colocar aqui em download para vocês darem opiniões construtivas
Será feita uma página para o projeto onde você pode acompanhar o andamento de tudo.
 E divulgue para que mais pessoas possam participar!
-Mande os contos até o dia 30 de Dezembro"

Mais informações no blog  dele: http://livrosdoad.blogspot.com

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Vol: 2 Em Chamas - Suzanne Collins


Minha opinião: Maravilhoso! Eu podia dizer mil coisas desse livro, mas só vou dizer isso: ÓTIMO!
Sinceramente, eu imaginava que o segundo livro fosse bom, afinal o primeiro era de arrasar, mas não pensei que eu iria gostar tanto assim desse, e gente, segurem o fôlego para esse segundo volume por que ele está recheado de surpresas e de cenas de tirar o fôlego, seja pela ação e adrenalina ou pelo romance que paira no ar desde o primeiro livro. Alias, entrando nesse mérito, tenho que falar sobre o Peeta né? Que homem é esse hein? A autora criou um personagem maravilhoso, que não é aqueles caras super fortes e que protegem a mocinha de tudo e de todos, mas é um cara com uma perna mecânica, que não é tão forte assim, mas é inteligente, legal e principalmente é um bom homem. Na verdade eu tenho que dar uma reverencia para a autora, por que ela criou uma obra com uma narrativa maravilhosa, personagens com personalidades distintas e marcantes, além de serem ricos em todos os aspectos e uma estória de tirar o fôlego.
Vocês sabem o que é ler um livro e imaginar cada detalhe que acontece e mesmo quando você o fecha, ainda fica pensando nos personagens como se você estivesse nas cenas com eles? É incrível ler algo assim, e esse livro – ou melhor – a série até agora proporciona isso.
Como eu ia dizendo sobre esse segundo livro, Katniss – uma personagem forte e muito interessante – ganhou os Jogos Vorazes juntamente com Peeta, no entanto, a ação dela nos últimos minutos dos jogos, no qual ela tira Peeta e ela dos Jogos, não é bem visto pela Capital já que pode representar um tipo de rebelião, e é justamente nesse momento em que começam a surgir rumores que uma rebelião pode explodir a qualquer instante.
Olha só, eu dou destaque para uma cena linda do livro que é a parte em Peeta e Katniss estão no terraço juntos e Peeta diz que queria congelar aquele momento – É tão fofo – e sabe que essa cena ficou congelada na minha cabeça? Ainda mais por que eu confesso que já comecei a ler o terceiro livro – Eu não agüentei – assim que terminei de ler o segundo eu fiquei tão, mais tão curiosa para acompanhar que peguei o livro na estante e continuei a estória... Que traz muito mais coisas....
Não percam a oportunidade de ler essa série viu!


Resumo: Depois de ganhar os Jogos Vorazes, competição entre jovens transmitida ao vivo para todos os distritos de Panem, Katniss agora terá que enfrentar a represália da Capital e decidir que caminho tomar quando descobre que suas atitudes nos jogos incitaram rebeliões em alguns distritos. Dessa vez, além de lutar por sua própria vida, terá que proteger seus amigos e familiares e, talvez, todo o povo de Panem. Mistura de ficção científica com reality show, passando pela mitologia e pela filosofia, Em chamas é o segundo volume da bem-sucedida trilogia iniciada com Jogos vorazes, mais novo fenômeno da literatura jovem dos últimos tempos. Com mais de quatro milhões de exemplares vendidos apenas nos Estados Unidos e por 130 semanas na lista dos mais vendidos do The New York Times, a trilogia assinada por Suzanne Collins ganhará adaptação para o cinema, com estreia prevista para março de 2012. Katniss e Peeta deveriam estar felizes. Afinal de contas, eles ganharam para si e para suas famílias uma vida de segurança e fartura. Mas há rumores de rebelião entre os distritos, e Katniss e Peeta, para seu horror, são a face da rebelião. A Capital está com raiva. A Capital quer vingança.

E LOGO, LOGO VAI TER FILME DESSE LIVRO!!!

terça-feira, 8 de novembro de 2011

A vidente - Hannah Howell


Minha opinião: Todo mundo sabe que eu gosto de um bom romance, e devo enfatizar no “bom” por que ler um romance é mais do que amor e cenas calientes, é ler uma boa narrativa que nos envolva e faça com que imaginemos todas as cenas com muita precisão. E acho que esse foi um problema desse livro viu, está certo, a capa é bem bonita e chama a atenção, além disso, a sinopse também é bem bacana por que fala sobre uma mulher que tem poderes assim com a sua família, e esses poderes acabavam ajudando em uma trama de vingança e assassinatos.
Mas depois das primeiras páginas, o que podia ser bom deixou muito a desejar viu, primeiro o que me fez ficar sem um pingo de vontade de continuar a leitura – apesar de continuar a ler – foi o jeito como os personagens se apaixonaram, olha só, existem poucos autores que conseguem descrever uma boa cena de encontro e entre eles estão Stephenie Meyer e Nicholas Sparks, que conseguem escrever uma narrativa envolvente e calorosa, porém, Hannah Howell tem que dá uma boa melhorada na narrativa dela, que em minha opinião faltou muito, as cenas de amor são muito falsas, os diálogos são sem vida e sem... Como eu poderia dizer? Acho que sem sentimento, é estranho ler esse livro, por que não me convenceu nenhum pouco. Triste isso, eu sei, mas foi como me senti. 
A autora também se arriscou tentar uma trama de ação e vingança no meio de tudo isso, e sinceramente... Falhou feio novamente, ela tentou, tentou, mas acho que acabou se afogando na praia... 

Resumo: Estamos no século XVIII, na Inglaterra georgiana. Como todas as gerações de sua família, Chloe Wherlocke possui habilidades especiais, e o seu dom é enxergar além da visão física. Em 1785 ela prevê a morte de uma mulher que acabara de dar à luz e toda uma trama para atender a motivos escusos. Ao encontrar uma criança abandonada ao lado do corpo da mãe, ela salva o bebê e o cria escondido do mundo. Fazia isso por amor, mas talvez houvesse neste gesto alguma força do destino... Com o passar dos anos, Chloe descobre que o encontro com a criança não havia sido uma simples coincidência e nota, pouco a pouco, um desenrolar de acontecimentos que envolviam todos os membros de sua família num jogo de traições, mentiras e assassinatos. Consciente de tudo, ela precisa ser rápida para salvar a vida do pai do menino, o conde Julian Kenwood, e avisá-lo que o filho não morreu. Mas, ao se aproximar da família Kenwood, Chloe percebe seu sentimento de proteção por Julian se transformar enquanto a cada momento tudo fica mais perigoso. 

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Minha Resposta ao Amanhã

Oi Gente! Finalmente vou colocar aqui o resultado final do projeto história coletiva: MINHA RESPOSTA AO AMANHÃ, eu o coloquei no Bookness, e gostaria muito que se puderem por favor divulgar, publicando no blog de vocês, ou comentando no facebook, twitter, Skoob, deixando o link para baixar gratuitamente e divulgar uma forma de criação de literatura diferente, mas ao mesmo tempo muito gostosa, que é a estória coletiva virtual. (Peço principalmente aos autores)
O livro também está à venda no http://www.bookess.com/read/10407-minha-resposta-ao-amanha/, caso ele venda algum exemplar, o valor do lucro será repassado para todos os autores, no entanto, como é disponibilizado gratuitamente, não sei se alguém irá adquirir impresso. Já que o preço impresso é de R$41,54 (carinho né?) e o lucro de cada exemplar é de R$3,46 (rs...) É, não é para ninguém ficar rico com isso, rs...

Obrigada a todos que participaram:

Quem quiser divulgar pelo Bookness é só ir no link http://www.bookess.com/read/10407-minha-resposta-ao-amanha/

Aqui está o Livro



Quem quiser divulgar com link também fique a vontade:

Aqui está o link para baixar

AQUI (Megaupload)


BEIJOS!!!

Vol: 2 Perfeitos - Scott Westerfeld


Minha opinião: Sinceramente, eu achei esse segundo livro muito melhor que o primeiro, quem leu a minha resenha do primeiro livro, se lembra bem que eu achei a Tally uma tonta de carteirinha, e convenhamos que essas personagens meio “tapadas” às vezes enchem o saco, não é mesmo? Bem, mas o incrível é que nesse livro, Tally segue um estilo diferente, e ela passa a ter uma postura muito diferente do começo... Claro, que no inicio dessa estória acompanhamos Tally como uma perfeita, e como toda perfeita ela tem uma cabeça de vento, no entanto com o decorrer das páginas nos deparamos com uma personagem mais madura que realmente começou a me conquistar, e isso me empolgou muito a querer ler a continuação, tanto que estou o terceiro livro “especiais” já na minha estante, só esperando para ser lido.
Certo, vamos falar um pouco sobre esse livro né? Vocês se lembram que a Tally acabou indo se tornar uma perfeita no intuito de ser um tipo de cobaia, não lembram? Pois é, só que quando ela se torna perfeita, as coisas também se tornam perfeitas e entre festas glamorosas e pessoas lindas em volta, algo não soa tão maravilhoso assim e Tally acaba entrando para um grupo que busca sempre estar “borbulhante” que seria quase como tendo uma sensação de realidade no meio de tanta coisa falsa, porém é somente quando ela recebe uma visita de um enfumaçado que as coisas começam a mudar e aí que a estória se torna interessante, ah, e como não podia ser diferente, esperem para um triangulo amoroso no meio disso tudo, que apesar de estar “manjado” esse tipo de coisa, sempre deixa tudo mais empolgante. Vale a pena mesmo ler esse livro que em minha opinião superou o primeiro livro, e muito!

Resumo: Tally finalmente é perfeita. Agora seu rosto está lindo, as roupas são maravilhosas e ela é muito popular. Mas por trás de tanta diversão – festas que nunca terminam, luxo e tecnologia, e muita liberdade – há uma incômoda sensação de que algo importante está errado. Então Tally recebe uma mensagem, vinda do seu passado, que a faz se lembrar qual é o problema na sua vida perfeita. Agora ela precisará esquecer o que sabe ou lutar para sobreviver – as autoridades não pretendem deixar que alguém espalhe esse tipo de informação.
Ocorreu um erro neste gadget
Related Posts with Thumbnails