Estou lendo:O MUNDO EXPLICADO POR T.S. SPIVET - Reif Larsen


10 / 223 words. 4% done!

quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Retrospectiva 2010!

O ano está acabando e para terminar esse ano da melhor forma possível eu pensei em lembrar o que aconteceu nele – apesar de que algumas coisas eu preferia esquecer – No entanto, como aqui falamos sempre sobre livros, eu vou fazer a Retrospectiva 2010 do Dicas de Livros.
Pois é, nesse ano – o primeiro do blog – eu li exatamente 108 (Cento e oito) livros de literatura – estou excluindo os livros acadêmicos que não se encaixam aqui não é mesmo? – Isso dá em torno de 1 livro a cada 3 dias e meio, estou certa?
Olha só, eu li livros incríveis, já outros foram horríveis e outros foram “normais” com nada demais e nem nada de menos. Mas todos eu li até o final, eu tenho essa “coisa” de não conseguir parar de ler um livro pela metade, mesmo que o livro seja terrivelmente terrível, eu não consigo. Sendo assim, quero relembrar alguns desses titulos que marcaram o meu ano de 2010, já que quando eu leio um livro eu viajo junto com ele, chegando a dormir pensando neles e acreditem se quiser, sonhando com eles - Talvez na minha vida falte alguma emoção real, bem tenho que pensar nisso...
Mas vamos falar dos livros que SE DESTACARAM nesse ano, em minha opinião.

Os Livros que eu mais Gostei
Romance: Todos os livros do Nicholas Sparks

Autor(s) que me surpreendeu esse ano
Sem dúvida nenhuma o Neil Gaiman foi o autor que me conquistou esse ano, o modo de escrita dele, a sua facilidade em descrever personagens e sentimentos é único. Pois bem, ele é ótimo mesmo e me surpreendeu muito!


Filmes baseados em livros que eu mais gostei
Coraline - Neil Gaiman
A Vida Secreta das Abelhas - SUE MONK KIDD 


Personagens Marcantes
Jean Baptiste Grenouille, do livro O Perfume: Historia De Um Assassino do PATRICK SUSKIND. Esse é um dos personagens mais fortes e intensos que eu li esse ano concerteza, no entanto ele está empatado com a Lisbeth Salander do livro Os homens que não amavam as mulheres do Stieg Larsson. Ela é uma personagem complexa e que foi muito bem descrita. Parabéns aos autores.

 Livro decepção
A maior decepção desse ano foi sem sombra de dúvida Fallen - Lauren Kate, eu esperava tanto desse livro que acabei batendo com a cara na parede, por que de bom só tem a capa. Acho que esse livro também ganha na opção Pior personagem, por que a Luce ganha de goleada! Um terror...




Autor que eu também gostei de ler esse ano
Os livros da Tess Gerritsen me fizeram gostar ainda mais de investigação e Serial Killers, tenho que agradecer muito a Bruna, que me emprestou todos os livros que eu li da autora, por que sem ela, tenho certeza que não chegaria nem perto desses livros!


Pior final
Eu Sou o Mensageiro - MARKUS ZUSAK , o autor do livro A menina que roubava livros deixou a desejar no final desse livro, o que não estraga de modo nenhum o livro todo em si que é muito bom, mas ele ganhou de Pior Final.


Não gostei mesmo
Do livro O Principe das Marés do PAT CONROY eu juro que tentei, mas esse livro se afogou antes da maré, não foi bom. Agora, o que eu também não gostei mesmo foi a adaptação do livro Percy Jackson e o ladrão de raios para o cinema, aquilo sim foi uma tristeza! Não gostei mesmo!


Difícil escolher, mas quem quiser ver a lista completa dos livros que eu mais gostei é só ir no link dos Melhores livros. Sem dúvida, eu poderia falar de outros vários livros, mas me concentrei em apenas alguns...
Bem é isso...
Feliz ano novo!

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

A elegância do Ouriço - Lendo...

Ok! Eu não costumo escrever sobre um livro enquanto estou lendo, mas não pude evitar, é mais forte do que eu – Além do que esse livro é para ser apreciado e sendo assim, irei demorar um pouco mais para lê-lo. Por isso tenho que falar um pouco sobre ele, que é um pedido a reflexão e ao “pensar sobre”, e eu não imaginava que esse livro fosse tão intenso. Além de que, ele nos revela algo que está na nossa frente o tempo todo, mas que muitas vezes não percebemos – ou fingimos não perceber. No entanto, para deixar o mistério no ar e não falar mais do que preciso - já que ainda estou na metade do livro, deixarei alguns trechos:

“Antoine Pallières olhou para mim com a cara do sujeito que indaga se viu bem aquilo que acabou de ver. Mas, como é treinado para considerar que só acontece o que tem de acontecer, assim como os ricos se convencem de que a vida deles segue um rastro celeste que o poder do dinheiro lhe abre naturalmente, resolveu acreditar em mim.”


“Li tantos livros...
No entanto, como todos os autodidatas nunca tenho certeza do que compreendi. Um belo dia, creio abarcar só com o olhar a totalidade do saber, como se de súbito nascessem ramificações invisíveis que tecessem entre si todas as minhas leituras esparsas – depois, brutalmente, o sentido se esquiva, o essencial me foge, e, por mais, então fico parecendo uma velha louca que acredita estar de barriga cheia só porque leu atentamente o cardápio.”

Agora me digam, há alguma possibilidade de ler esse livro sem ficar atenta a cada linha e a cada palavra sem parar alguns minutos para digerir o seu sentido? Bem, respondo por mim: não...

Ganhei um livro!

"Hahahahaha - eu tô rindo a toa..."
É gente, ganhei mais um livro! Dessa vez foi o livro "Meu pai fala cada M*rda" do Justin Halpern.
Eu já vi esse livro na livraria, mas não fiquei com muita vontade de ler, mas agora que ganhei... vamos ver se é bom né?
beijos



Saldão de Ano Novo
Descontos de até 70%

domingo, 26 de dezembro de 2010

Vol 1: Lohan e Os Mistérios da Magia: Aprendiz de Mago - MARCO AURÉLIO PAZ

Minha opinião: Vocês acreditam que é o primeiro livro de fantasia que eu leio de um escritor brasileiro? É verdade – uma vergonha também, eu sei – Mas agora eu tenho vários livros de escritores brasileiros e estou muito entusiasmada. Mas voltando ao livro do Lohan, devo dizer que gostei. No inicio eu demorei algumas páginas para engrenar na história, acho que o começo não prende muito a atenção, mas depois que conheci os personagens, eu gostei deles, o Lohan é adorável e os seus amigos também são muito legais. Acho que o que pecou no livro foi o autor não ter trabalhado tanto os personagens, por que em minha opinião alguns personagens como o Lohan, foram apenas descritos, faltando aproximar ele do leitor, sabe? Sabe aqueles personagens que você sente? Que você sofre e ama junto com eles? Pois é, acho que faltou isso... Mas a história foi boa, o enredo foi interessante, por isso eu acho que esse livro foi bom, espero poder ler o segundo! 

Resumo: O aprendizado mal começou e Lohan obriga-se a enfrentar perigos que nem mesmo os mais experientes magos se atreveriam a subjugar. Como aprendiz de mago, Lohan descobrirá que para conseguir atingir seus objetivos terá que vencer o tempo, ganhar feridas, perder o fôlego, lutar para manter a sanidade e arriscar a vida, que é tudo que mais deseja devolver ao seu mestre. A busca pelo saber e pela superação está apenas começando neste primeiro volume da série. Conheça os magos, guerreiros, criaturas gigantes e outros seres deste mundo peculiar e selvagem, onde a força e a magia ditam as regras.

sábado, 25 de dezembro de 2010

Feliz natal? Bem...

Oie! Eu sei que muita gente gosta do natal... E desejo um feliz natal de todo coração para quem comemora e etc e tal...
Mas hoje eu estou entrando num estado de loucura! Sério! Vou contar o meu lindo dia! Tentei assistir um filme hoje com meu irmão - por que na televisão não tinha nada de bom - mas na minha "querida" rua,  milhares, milhões de motos com barulhos ensurdecedores com motoqueiros loucos vão e vem sem parar, nos deixando surdos, e eu tive que pausar e retornar o filme diversas vezes por que não estava escutando nada... Depois fui ler um pouco, e chegou o momento melhor, dois carros com o porta malas abertos, com aquelas caixas de som absurdas lançaram músicas que além de me deixarem surda, me fazem ficar tonta... Bem, isso é o dia de natal! E agora estou aqui na Net... Bem,  quem é religioso PARE AGORA DE LER... por que sinceramente nesses momentos eu não sei exatamente o nascimento de quem estamos comemorando.
Beijos
e
Feliz natal para quem pode.

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Que comentário hein...

Se você quiser fazer também uma seção assim no seu blog, fique a vontade. Coloque a imagem da foto e dê os devidos créditos e mostre os seus comentários também!
Que personagem! no Comentário
Feito pela Andressa do blog Mundo mundo é um grande livro no post da resenha do livro Fallen
"Andressa disse...

Olá,ah é uma pena você não ter gostado.
A personagem é mesmo uma (Besta Humana).
Mas eu gostei.Eu acho que você ia gostar mais
de ação,aventura...
Mas pelo menos a capa é maravilhosa.
Beijos"
6 de dezembro de 2010 23:48

Comentário da sessão infantil
Feito pela Clara - Tartaruga - do blog Diário de Leitura no post da resenha do livro Nick e Norah
"Tartaruga disse...

Nossa, morro de vontade de ler esse livro e assistir ao filme. Mas fui procurar o livro pra comprar e estava na seção infantil. Ele é bastante adolescente mesmo?
Nada contra, mas pela capa, achei que os atores eram mais velhos.
Clara (velocidadedetartaruga.blogspot.com)"
5 de dezembro de 2010 11:33

Super fã do Sheldon no comentário
Feito pela - não anônima - Daniela Azevedo de portugal no post da resenha do livro Um estranho no espelho
"Anônimo disse...

Oi Paula!
Adoro os livros do Sidney... Tenho todas as obras dele publicadas em Portugal (acho eu)!!! Tenho 13 livros dele na minha estante...
Gostei muito de ler este livro e tb acho o "A Ira dos Anjos" muito bom...
N tenho nenhum chamado "O Reverso da Medalha", Talvez tenham dado outro título em Portugal... Sobre que é esse livro?
O meu livro preferido é o "Se o Amanhã Chegar", mas gosto muito mesmo d'"O Brilho das Estrelas".
Adoro o facto de o autor escolher sempre mulheres como protagonistas e heroínas :D
Beijo*
Daniela Azevedo"
1 de dezembro de 2010 10:22

Terror no Comentário
Feito pelo Raul do blog Canção do Violino no post de um Aproveite!
"Raul disse...

genteeeeee ke imagem tenebrosa e o titulo do livro nem se falaaa ! putzz eu não leria"
29 de novembro de 2010 02:34

Mas que comentários hein...?
Beijos
e até a próxima...

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Feliz de Verdade - Scott Mebus

Minha opinião: Primeiro tenho que dizer que essa capa parece muito, mais muito mesmo com livro de auto-ajuda né? Que coisa. Mas não é auto ajuda mesmo, talvez pudesse ser ao contrario, sei lá. Pois bem, o livro começou até interessante, com um pouco de sarcasmo e etc... Parecia ser promissor, bem, mas acho que ficou nisso: Poderia ter sido melhor. Na verdade, antes de escolher esse livro para comprar eu li uma resenha que afirmava que era um romance espirituoso e divertido, mas convenhamos que foi isso até demais. Seguimos a história do personagem principal que deixa a sua vida de produtor na televisão para tentar a carreira de escritor, e para tentar ser feliz de verdade. Só que sinceramente, mais que busca mais sem graça a dele hein, o autor tenta por várias vezes trazer aspectos novos no romance, piadas sutis e algumas vezes, eu me senti inspirada para voltar a ler, no entanto, acho que o autor pecou, ele devia ter pensado em algo melhor do meio para o final do livro, por que eu acho que ele poderia ter arrasado, uma pena, ele chegou perto.

Resumo: Será que um momento de pura felicidade vale todo o sofrimento para se chegar lá? David sem dúvida acha que sim. Ele largou uma carreira confortável como produtor de TV para tentar ser feliz de verdade. Mas enquanto espera que publiquem seu romance, sua vida está indo por água abaixo. Ele tem quase trinta anos, ainda não se casou, mora em um apartamento minúsculo e trabalha como disc jockey de segunda categoria, em casamentos e bar mitzvahs para ganhar uns trocados e pagar as contas. Pelo menos ele tem amigos, ou tinha? A melhor amiga do David, a Annie, está para se casar com um cara que o David chama de ‘Rato’. Dustin e Cameron, os seus amigos do peito na cidade, vão fazer uma coisa inacreditável - levar a vida a sério; e Zach, o amigo que David acha o máximo, tem em sua vida um segredo totalmente inesperado. Ainda por cima, David se apaixona por Jane, uma jovem muito espirituosa e charmosa, porém volúvel.

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Ganhei um livro!

Ah tô muito, mais muito feliz! Eu ganhei mais um livro, agora no site do terra.com, o livro é QUEDA DE GIGANTES do KEN FOLLETT, adorei!

domingo, 19 de dezembro de 2010

V. 1: Série Millennium: Os Homens Que Não Amavam as Mulheres - Stieg Larsson

Minha opinião: Muito bom. E fazia um tempão que eu queria ler essa série, por que eu ouvi falar muito bem dela e também por que vi a capa do filme e fiquei super curiosa, e graças ao Submarino, que vendeu a série por 39,90 eu pude me presentear com ele, rs... Bem, mas olha só, no começo da leitura eu fiquei na dúvida se era bom mesmo, afinal a história começa com tanta informação e tantos nomes que por um momento não estava entendendo nada, e sim, estava muito confusa, o autor expõe tantas coisas, que confesso que passei os olhos umas duas vezes por página para ver se eu captava alguma coisa, aí a Aisla Almeida me disse no facebook para eu não desistir e foi o que eu fiz. Assim, com o passar das páginas eu me peguei absorvida pelas palavras, realmente não conseguia largar o livro, adoro quando isso acontece! E o que eu mais gostei foi a personagem Lisbeth, ela é uma personagem riquíssima que merece muito destaque, eu fiquei fascinada com ela, o autor ganhou muitos pontos comigo por isso. Continuando, gente, tem até um Serial Killer na história, vocês imaginam como eu fiquei super instigada quando cheguei nessa parte do livro né? Por fim, é um livro envolvente, com uma história cheia de reviravoltas e descobertas super interessantes! Vale a pena.
Resumo: Primeiro volume da trilogia Millennium cult de mistério, que se tornou fenômeno mundial de vendas. Os homens que não amavam as mulheres traz uma dupla irresistível de protagonistas-detetives: o jornalista Mikael Blomkvist e a genial e perturbada hacker Lisbeth Salander. Juntos eles desvelam uma trama verdadeiramente escabrosa envolvendo a elite sueca. Os homens que não amavam as mulheres é um enigma a portas fechadas - passa-se na circunvizinhança de uma ilha. Em 1966, Harriet Vanger, jovem herdeira de um império industrial, some sem deixar vestígios. No dia de seu desaparecimento, fechara-se o acesso à ilha onde ela e diversos membros de sua extensa família se encontravam. Desde então, a cada ano, Henrik Vanger, o velho patriarca do clã, recebe uma flor emoldurada - o mesmo presente que Harriet lhe dava, até desaparecer. Ou ser morta. Pois Henrik está convencido de que ela foi assassinada.

Bem, tem filme desse livro, um filme sueco, que legal né?

Título original: Män som hatar kvinnor
Duração: 152 minutos (2 horas e 32 minutos)
Gênero: Crime
Direção: Niels Arden Oplev
Ano: 2010
País de origem: SUÉCIA / DINAMARCA / ALEMANHA

Sinopse: Aos 14 anos de idade, a garotal Harriet Vanger desapareceu sem deixar rasto, em 29 de setembro de 1966. Quase quarenta anos depois, um jornalista com o nome de Mikael Blomqvist recebe uma missão incomum. Ele é contactado pela indústria líder Henrik Vanger, que quer que ele a escrever a história da família Vanger. A crônica da família é apenas uma tampa para a atribuição real: para saber sobre o que realmente aconteceu com a Harriet. Mikael, que recentemente foi indiciado e condenado por crimes de calúnia, sente que ele precisa de uma pausa de seu trabalho na revista Millenium assumir o cargo. Ele recebe a ajuda do jovem e perturbada hacker Lisbeth Salander. Juntos, o casal estranho começa a escavar no passado da família Vanger e conheça uma história mais escuros e mais sangrenta do que nunca o poderia ter imaginado.
Assistam ao Trailer:

sábado, 18 de dezembro de 2010

Que comentário hein...

Olá! Vamos aos comentários...
Se você quiser fazer também uma seção assim no seu blog, fique a vontade. Coloque a imagem da foto e dê os devidos créditos e mostre os seus comentários também!

Comentário "Adquira Paciência"
Feito pela Laaka no post da resenha do livro A Hospedeira.
"Laaka disse...

Li até a metade e não curti muito, não é um livro pra mim. Não agora.
A história é boa, mas é muita enrolação.Um bom livro tem que te prender desde o início até o fim, a menos que o nome seja Adquira Paciência Com Este Livro (?)."
17 de dezembro de 2010 17:52

Super Comentário Gigante
Feito pela Marjóli no post Deixe sua dica de livro
"Márjoli disse...
Ola, acabei de conhecer o seu blog e simplismente amei.Percebi que você gosta de livros de serial killers, eu também!, por isso tenho uma sugestão incrivel, uma série de 3 livros (coração ferido, coração apaixonado e coração maligno)da autora Chelsea Cain. Vou deixar o resumo do primeiro, Coração Ferido, mas indico todos, os melhores livros que ja li.
RESUMO: O detetive Archie Sheridan passou dez anos perseguindo Gretchen Lowell, uma estonteante serial killer, mas foi ela quem o capturou. Dois anos atrás, Gretchen aprisionou-o e torturou-o por dez dias, mas, em vez de matá-lo, ela surpreendentemente o deixou partir, entregando-se à polícia. Agora ela está na cadeia pelo resto da vida enquanto Archie se vê em outro tipo de prisão - viciado em analgésicos, incapaz de voltar à sua antiga vida e sem forças para apagar aqueles dez dias horrendos de sua lembrança. Sua mulher, de quem se afastou, diz que o velho Archie não existe mais, e ele concorda. As visitas a Gretchen são semanais, com a justificativa de que só ele pode fazê-la confessar onde estão os corpos das vítimas. Mas Archie sabe qual o real motivo - ele simplesmente não consegue ficar longe dela. Quando outro criminoso começa a seqüestrar meninas em Portland, Archie tem que se recompor para liderar uma nova força-tarefa que investigará os assassinatos. Uma repórter jovem e determinada, Susan Ward, acompanha o trabalho do grupo, o que desencadeia um jogo mortal entre Archie, Susan, o novo serial killer e até Gretchen. Eles têm um maníaco para capturar, e talvez isso liberte Archie de Gretchen de uma vez por todas.
Espero que goste! Márjoli"
14 de dezembro de 2010 23:32

Caro Comentário
Feito pela Deiare do blog Sentimento nos livros no post da resenha do livro Aprendendo a seduzir.
"deiare disse...

Sou louca por esse livro, mas tá tão caro...
Bjos!!!"
14 de dezembro de 2010 12:19

Adoro no Comentário
Feito pela Larissa Medeiros do blog Etc e Tal no post da resenha do livro Nick e Norah
"Larissa Medeiros disse...

Já assisti o filme, adorei!
Adoro filmes românticos e com personagens "perfeitos".
beijos.
http://larideiros.blogspot.com/"
5 de dezembro de 2010 18:29 
Comentário Só para mulheres
Feito pelo marcinhow do blog Marcinhow e os Livros  no post da resenha do livro Aprendendo a Seduzir
"MARCINHOW disse...

Estou lendo um romance da Nora Roberts... E só entre nós... Vou deixar os romances só para as mulheres!!!"
14 de dezembro de 2010 11:25  

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Filmes baseados em livros

Minha opinião: Eu ri muito quando assisti o trailer, e, portanto imaginei que o filme fosse engraçadíssimo. Mas, não é tão engraçado assim, mas dá para dar umas risadinhas, e claro que eles tiram muito o sarro né? Acho que vale a pena para quem leu crepúsculo e assistiu aos filmes da série, por que tem muita relação. Olha, nesse filme eles mostram direitinho a “Bella” tem uma fala que é bem a cara dela, totalmente sem graça. Bem, então... No filme em vez de partir para o humor e tal, não, eles tentam colocar um romance, e isso não deu certo mesmo. Eu dou nota 6.

Sinopse: 'Os Vampiros que se Mordam' é uma sátira aos filmes que abordam a angústia e a vida amorosa dos adolescentes no mundo contemporâneo. Becca, adolescente ansiosa que não é vampira, está indecisa entre dois garotos. Antes que consiga escolher, ela precisa dar um jeito no pai controlador, que a faz passar vergonha tratando-a como criança. Enquanto isso, os amigos de Becca' se veem às voltas com seus dilemas amorosos -, e tudo vem à tona na festa de formatura da escola.

Minha opinião: Eu gostei do filme. Apesar de muita coisa mudar em relação ao livro, como o fato de que é a Norah que pede para o Nick fingir ser seu namorado e tal e não o Nick, entre outras “coisitas”, mas acho que ficou bom mesmo assim. Eu acho que mesmo tento várias diferenças, o filme ficou bom, foi pelo fato de que no livro, existe muitos pensamentos e nós sabemos exatamente o que cada personagem pensa e age em determinada situação, já o filme é mais dinâmico e as coisas tem que acontecer de maneira mais rápida, por isso eu dou um crédito. E o ator que faz o Nick, ah! O Michael Cera, ele é a cara do Nick mesmo, cara de bonzinho e super querido – não é mesmo? - o adorei no papel, e a Norah também arrasa, a Kat, tem os jeitão da Norah mesmo. Por fim, eu gostei do filme do seu jeito, mas claro, que prefiro o livro.

PS: E nossa, eu assisti com meu namorado e ele não me compreende – rs – quando eu assisto ao um filme que eu li o livro, não tem jeito, eu acabo falando “Mas no livro não foi assim” e bem, ele não gostou... Por isso, está decidido, sempre vou assistir filmes baseados em livros com meu irmão, que é a melhor companhia para assistir filmes comigo, ele sim me entende.

Sinopse: Nick (Michael Cera, do indicado ao Oscar Juno e Superbad) e Norah (Kat Dennings, de A Casa das Coelhinhas) são apaixonantes e apaixonados por muitas coisas. Para essas duas figuras nada como inusitado encontro para revelar paixões musiciais, traumas e o tamanho de uma amizade. Nada como uma noite agitada de Nova Iorque para descobrir o que há de bom em ter afinidade com alguém em ser dois de vez em quando.

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Desaparecidas - Tess Gerritsen

Minha opinião: Simplesmente adorei! Eu acho que se esse livro não foi o melhor da série, com certeza está entre os melhores, por que devo dizer que eu não conseguia tirar as mãos e os olhos dele. A história segue a linha dos outros livros, com muita investigação e adrenalina, só que dessa vez não tem um Serial Killer, mas tem uma história de tirar o fôlego do começo ao fim. Eu adorei mesmo, e acho que a autora deu uma melhora extraordinária nesse, e olha que às vezes tem livros de séries que vão piorando – exemplo a série House of Nigth – mas nesses as coisas só melhoram. Dou 10 para esse livro. E para quem gosta de livros policiais, esse tem que estar com certeza na prateleira!

Resumo: Considerada o grande nome do thriller médico, a verdadeira herdeira de Robin Cook, Tess Gerritsen nos traz este novo e assustador sucesso. Aquela mulher parecia ser mais um corpo na mesa fria do necrotério. Mas quando a legista Maura Isles inspeciona o cadáver, algo assustador acontece: a mulher abre os olhos. Ainda viva, ela é levada rapidamente para o hospital. Mas o bizarro logo se transforma em perigo. Com uma precisão chocante, ela mata um segurança e faz reféns... um deles, uma paciente grávida. Quem é essa pessoa violenta e desesperada, e o que ela quer?

Aproveite!




É sério mesmo! Nossa, tem tantos livros no submarino com um preço bom! Olha só esses:
1808 + 1822 do Laurentino Gomes por R$ 39,90

Coleção House of Night (7 livros) Por: R$ 59,90

Kit Diário de um Banana: 4 Volumes do Jeff Kinney Por: R$ 69,90

E tem esses dois livros que eu quero tanto que é Coisas Frágeis do Neil Gaiman, vocês devem ter lido as resenhas dos livros dele que eu li né? se não, dêem uma olhada, os livros dele são ótimos! e esses dois estão por apenas R$9,90 cada um, acredita? E as capas são lindas né?
E tudo com frete grátis!





segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Aprendendo a Seduzir - Patricia Cabot

Minha opinião: O velho e bom romance. Acho que isso pode explicitar exatamente esse livro, já que ele não tem nada demais e nada de menos, é um romance com o toque certo, não traz nenhuma novidade, mas ele se desenrola de uma maneira que prende a atenção, e isso é imprescindível para um bom romance. E vou avisando que tem muitas cenas apimentadas – um pouco adulto talvez - por isso que a autora “Teen” Meg Cabot se utiliza de um codinome que é Patrícia Cabot, já que nessa história tem muitas cenas “calientes”, mas não com uma linguagem “chula”, nada disso, as falas e as descrições são muito bem escritas. E para quem gosta de romance, deve ler esse livro, por que além da capa ser linda, a história também arrasa. A história se desenrola com a Caroline Linford, uma jovem que "pega no flagra" seu noivo com outra mulher, e gente ela toma uma decisão um tanto que diferente... E ai que começa o romance, bem, eu acho que vale muito a pena...

Resumo: Durante um baile, Lady Caroline Linford abre a porta de um dos cômodos e flagra seu noivo, o marquês de Winchilsea, nos braços de outra mulher. Para a sociedade vitoriana do século XIX, tais escapulidas masculinas eram normais, e cancelar o casamento seria impensável. O jeito, decide a jovem, é aprender a ser, ao mesmo tempo, a esposa e a amante, para que o marquês nunca mais tenha de procurar outra mulher fora do lar. Por isso, resolve tomar lições - teóricas, claro - sobre a arte do amor com o melhor dos professores: Braden Granville, o mais notório libertino de Londres. Logo nas primeiras aulas começam a voar faíscas e as barreiras entre professor e aluna caem. Escrito por Meg Cabot, sob seu pseudônimo, esse romance vai mostrar que o amor escolhe seus próprios caminhos, sempre imprevisíveis.

domingo, 12 de dezembro de 2010

Selinhos!

Selinhos que eu ganhei!
Demorei, mas cá estou eu postando os selinhos lindos que eu ganhei! olha só!
Primeiro olha que selo fofo que eu ganhei da Mayara do blog Recordando Palavras, eu adorei, super chique né? 
  
Mais selinhos, a Deiare do blog sentimentos nos livros me indicou para esses dois selinhos tão engraçadinhos, bem, eu preciso dizer 9 coisas sobre mim, para o selo da abelhinha, então vamos lá:

1. Gosto de ler (hahahaha);
2. Gosto de MPB;
3. Não sei cantar;
4. Não sei dançar;
5. Sou estudiosa, mas sou preguiçosa;
6. Sou psicóloga (Ah tinha que dizer né?);
7. Não frequento salão de beleza;
8. Adoro comer;
9. Calço numero 37.

E para o selinho "Esse blog me faz feliz" eu preciso fazer o desafio que é o seguinte: são 7 desafios o qual devo responder 7 coisas relacionadas ao que se pede. Então, vamos lá:

7 coisas que pretendo fazer antes de morrer?
1. Sorrir mais; 2. Ler muito; 3. Ter uma biblioteca na minha casa; 4. Voar de balão; 5. Dançar na chuva; 6. Publicar meus livros; 7. Comer muito.

7 palavras ou expressões que mais falo:
1. Eita!; 2. Né; 3. Oi; 4. E ai?; 5. Que inferno.; 6. Cara de...; 7. Merda

7 coisas que faço bem:
1. Dormir; 2. Ler; 3. Comer; 4. Ficar sem fazer nada; 5. Ficar na internet; 6. Olhar para os meus livros; 7. Sei lá.
7 defeitos meus:
1. Não sei esperar; 2. Sou cabeça dura; 3. Sou chata; 4. Falo besteira demais; 5. Não consigo estudar por muito tempo; 6. Fico horas na net; 7. Não sei andar de salto alto (isso conta?).

7 coisas que amo:
1. Minha família; 2. Comer; 3. Dormir; 4. Pensar sobre a vida; 5. Escrever; 6. Ler; 7. Sonhar.

7 qualidades minha (mas faço bem e qualidade, não parecem?)
Os mesmos que o que faço bem, ou quase.

Mais selos! Esses dois eu recebi da Andressa do Blog Mundo mundo é um grande livro, obrigada Andressa!

É isso, eu tinha que indicar para alguns blogs que eu gosto, então eu indico para todos os meus parceiros, ok? Ando correndo ultimamente... tantas provas e entrevistas... tentando um emprego né?
beijos

Que comentário hein...

Oi! vamos a mais comentários...
Se você quiser fazer também uma seção assim no seu blog, fique a vontade. Coloque a imagem da foto e dê os devidos créditos e mostre os seus comentários também!


Prometendo no Comentário
Feito pelo Raul do blog Canção do Violino no post da Promoção de Aniversário.
"Raul disse...

PARTICIPANDOOOOOOO !
OBGDO PELO CONVITE NO SKOOB ! KERO GANHAR O OPUSCULO! NEM PRECIZO DO FILME \O SÓ O LIVRO TÁ OTIMO SE EU GANHAR PROMETO DAR O FILME DE PRESENTE PARA A DONA DO BLOG \O/"
29 de novembro de 2010 01:41



OHHHH Comentárioooo!
Feito pela Kézia do blog O fantástico Mundo da Arte no post da resenha da Ordem dos Arqueiros.
"Kézia Lôbo disse...

MEninaaa esse livro é demais!!!! A série é perfeitaaaaaaaa!!! Como amoo!!!"
18 de novembro de 2010 22:59

Sucinta no comentário

Feito pela Flávia do blog Entre livros e palavras em um post de Aproveite!
"Fláah disse...
Oi Paula,
Adorei a dica!
Bjs!
=D"

Emocionante comentário
Feito por Luana do blog Partes de um diário no post da resenha do livro Formaturas infernais
"Luana Farias disse...
Eu chorei no do buque sou sensível.
bjs"
7 de agosto de 2010 19:23


sábado, 11 de dezembro de 2010

Liga, Desliga - Colleen McCullough

Minha opinião: Vocês sabem que eu gosto muito de livros de serial killer né? E olha essa capa, toda emborrachada e tal... pensei “esse livro vai ser ótimo”, mas não foi nada disso. A autora enrola pra “caramba” nos capítulos iniciais - ou o livro inteiro - a direção do livro é confusa, os acontecimentos surgem sem nenhuma explicação... O Serial Killer não é lá grande coisa, e acho que a autora tentou forçar as mortes, descrevendo mortes terriveis para as vítimas.  Ela enfia um romance no meio da história que é sem pé nem cabeça. Bem, o final foi até que interessante, talvez a ultima página foi melhor do que o livro inteiro, sei lá, no entanto, ainda faltou algo, pareceu novela, não acontece nada durante toda a história e no final tem que dar um jeito em tudo. Mas eu não gostei da escrita da autora, e olha que eu adoro quando existe um estilo diferente de escrever um livro, mas esse foi muito mal elaborado. Uma pena. Eu o emprestei para minha amiga Bruna, e espero que ela não queira quebrar o meu nariz ou algo parecido por emprestar um livro assim... espero mesmo.

Resumo: Tudo começa quando o corpo de uma jovem é encontrado em um instituto de pesquisas neurológicas de uma importante universidade, financiado por um dos maiores benfeitores dos EUA. Rapidamente surge a suspeita de que o assassino seja um membro do instituto e de que esse não seja seu primeiro assassinato. Com grande astúcia e ousadia, ele seleciona belas adolescentes, submetendo-as a indescritíveis formas de tortura e estupro, que culminam, invariavelmente, numa morte horrível.

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Post extra!

Oi pessoal!

Nesse post não tem muita relação com os posts tradicionais, mas é um post muito especial para mim. Bem, eu queria dizer que finalmente a faculdade terminou e portanto, sou a mais nova psicóloga, e com muito tempo - por enquanto - para várias leituras.
E esse post é especial por que quero expor um dos trabalhos que eu realizei nesse fim de curso, que foi realizado na área de psicologia comunitária em que eu e a Daniella - super querida - realizamos na comunidade de Paraisópolis aqui em São Paulo. Nesse trabalho buscamos os moradores mais antigos da comunidade e pedimos que eles contassem a história do inicio de Paraisópolis, e isso ocorreu durante todo o ano de 2010. Com o final do projeto fizemos um livro contando essa história que foi distribuído pela comunidade, nas escolas, bibliotecas, associação de moradores e para os moradores participantes.
Fiquei muito feliz, por que eu, a Dani e meu supervisor - Robson - ficamos como co-autores dos próprios moradores que ficaram como autores das suas próprias histórias. Algo riquíssimo que mostra a importância da psicologia na comunidade. A capa está  ai do lado...
Quem estiver interesse em ler o piloto do livro, me mande um email paulatictic@hotmail.com que eu mando para vocês!
Bem, o trabalho também foi escolhido para representar a área de psicologia comunitária no curso de psicologia na Universidade em que me formei, olha a fotinho de nós apresentando (ficou super escura né?)
Bem, mas eu queria compartilhar esse momento com vocês, já que fiquei sem responder emails, comentários, não visitei blogs, e por ai vai... desculpem, mas minha vida estava assim: cheia de histórias.
beijos

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Dublê de Corpo - Tess Gerritsen

Minha opinião: Mais um livro da série hein? Muito bom o livro todo, mas eu adorei mesmo foi o primeiro capítulo, ele me prendeu de imediato, a narrativa foi tão envolvente... Eu acho que de todos os livros da série esse foi um dos melhores. Bem, antes de continuar tenho que agradecer novamente a Bruna, que me emprestou o livro – Obrigada Bruna – nossa, ela é um amor né? Voltando para a história, nesse livro tem um serial killer super interessante – eu achei pelo menos – ele enterra mulheres vivas...e grávidas. Poxa, é intenso. Além de que tem muitas novidades nessa história e surpresas, valeu muito a pena. O livro é muito bem escrito e eu fiquei muito presa na história. Gostei mesmo.

Resumo: A Dra. Maura Isles (personagem de O Pecador) fica chocada ao descobrir que a vítima de um assassinato é idêntica a ela própria. Filha única, Maura verifica que o resultado do teste de DNA confirma o fato assustador: a misteriosa sósia é, na verdade, sua irmã gêmea. Agora, uma perigosa investigação de homicídio se transforma numa perturbadora viagem ao passado. Essa jornada levará Maura à mãe que jamais conheceu ? uma mulher fria que lhe deu a vida, mas que pode ter um plano para tirá-la.

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Fallen - Lauren Kate

Minha opinião: Tenho certeza que muita gente vai discordar de mim por esse post, mas vamos lá. Eu esperava mais... Esperava mesmo. Bem, mas a capa do livro é linda né? Pelo menos isso, rs... Não sei se é por que estou um pouco saturada da história do cara lindo, forte que aparece do nada e encontra com a menina que é sem graça e tal e já viu né, eles se apaixonam... Ah! Olha só, até o capítulo 11 não acontece nada de interessante, depois continua a enrolar e no final bem, nada demais. E a personagem principal a Luce, nossa, como ela é chata né? Eu queria entrar no livro é dar um tapa na cabeça dela e dizer “Para de ser tão chata!” mas não podia – uma pena. Eu sei que muita gente gostou e vi resenhas ótimas do livro, mas acho que não foi para mim, pelo menos não agora.

Resumo: Algo parece estranhamente familiar em relação a Daniel Grigori. Solitário e enigmático, ele chama a atenção de Luce logo no seu primeiro dia de aula no reformatório. A mudança de escola foi difícil para a jovem, mas encontrar Daniel parece aliviar o peso das sombras que atormentam seu passado: um incêndio misterioso - que provocou a morte de seu namorado - levou Luce até ali. Irremediavelmente atraída por Daniel, ela quer descobrir qual é o segredo que ele precisa tanto esconder - uma verdade que poderia matá-la. Algo que, em suas vidas passadas, Daniel não conseguiu evitar. Excitante, sombrio e romântico Fallen é, ao mesmo tempo, um thriller vigoroso e uma inesquecível história de amor.

domingo, 5 de dezembro de 2010

Ganhei um livro!

Ah... tô muito feliz! Olha só, eu ganhei o livro Crônicas dos Senhores de Castelo do blog do Marcinhow e os Livros!!
Que bom né?
beijos

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Nick & Norah - Uma Noite de Amor e Música - Rachel Cohn e David Levithan

Minha opinião: Ah, que lindo! Nossa... tão romântico e ao mesmo tempo tão jovem. E por isso, vou dizer que também tem muitos palavrões, conversas malucas, mas isso mostra o jovem. E vou confessar que eu estou precisando de um Nick na minha vida, um cara super bacana, engraçado e romântico... Bem, mas voltando ao livro, eu gostei muito, fazia um tempo que não um romance né? E quando eu troquei esse livro pelo Skoob fiquei tão feliz! Olha só, o livro é dividido por dois autores um homem – David – e uma mulher – Rachel – e em cada capitulo um escreve, ou seja, a Rachel escreve sobre a Norah e o David escreve sobre o Nick, eu achei isso um máximo, e se der um dia quero escrever algo assim, só preciso de um parceiro de escrita né? Mas eu gostei muito dos personagens, eles têm um estilo super jovem, mas com um carisma incrível, tanto a Norah que é super divertida como o Nick que é um cara super iper mega fofo. Pena, que o livro só conta uma noite, mas acho que isso está explicito no nome do livro né? Mas... Ah seria bom se tivesse só mais um pouquinho. Mas tudo bem. Para quem gosta de romance jovem vai adorar esse livro, assim como eu adorei.


Resumo: NICK & NORAH: Uma noite de amor e música, de Rachel Cohn e David Levithan, chegou aos cinemas norte-americanos no final de 2008, arrancando elogios da imprensa especializada. "O filme tem uma doçura genuína, espontânea. Quem dera todos os filmes para adolescentes fossem tão ternos e sedutores", publicou a Newsweek; "Sem ser moralista ou puritano, Nick & Norah é inteligente e trata seu público alvo com respeito", escreveu o New York Times.
Na trama, dois jovens se encontram por acaso em um caótico show de punk rock e ensaiam os primeiros passos de um destino em comum depois de um beijo inesperado. Tudo começa quando Nick pede a Norah para fingir ser sua namorada por 5 minutos. É o tempo que ele precisa para evitar a árdua (e dolorosa) tarefa de encarar e ex-namorada, que acaba de chegar (acompanhada) para assistir ao seu show. Também vagando pela terra dos corações partidos, Norah aceita. Que mal podia haver nisso? E é isso. Um único beijo basta para levar Nick e Norah por uma aventura pelos bastidores de Nova York ? em um encontro repleto de alegria, ansiedade, confusão e entusiasmo, como deve ser a primeira vez. Aparentemente sem nada em comum a não ser o gosto musical, o encontro casual os leva por uma noite interminável e surpreendente em busca do lugar onde está rolando um show secreto de uma banda lendária. Alternando as vozes de Nick e Norah, David Levithan e Rachel Cohn assinam um romance divertido, elétrico e sexy sobre música, paixão e adolescência.
Tem filme desse livro!

Tem filme desse livro! Claro. E adivinha quem faz o Nick? É o mesmo ator que fez Juno, sabem? E vou confessar que ainda não assisti ao filme, mas vendo a capa eu não consegui separar a imagem do ator com o Nick, afinal, o ator tem uma carinha de garoto tímido e que dá vontade de levar para casa né? – Eu levaria – E não tem como separar os dois né?! Vou correndo assistir esse filme logo!

Diretor: Peter Sollett
Elenco: Michael Cera, Kat Dennings, Aaron Yoo, Rafi Gavron, Ari Graynor, Alexis Dziena, Jonathan B. Wright.
Produção: Kerry Kohansky, Andrew Miano, Chris Weitz, Paul Weitz
Roteiro: Lorene Scafaria, baseado em livro de Rachel Cohn e David Levithan
Fotografia: Tom Richmond
Trilha Sonora: Mark Mothersbaugh
Duração: 90 min.
Ano: 2008
País: EUA
Gênero: Romance
Distribuidora: Não definida
Estúdio: Depth of Field

Resumo: Já se passaram três semanas, dois dias e 23 horas desde que Tris (Alexis Dziena) terminou com Nick (Michael Cera). E agora ela está no mesmo show que ele vai, com outro cara. Ironicamente, no mesmo show, ele conhece Norah (Kat Dennings), com quem passará uma noite da qual nunca mais se esquecerá.

Ocorreu um erro neste gadget
Related Posts with Thumbnails